Micro - Encontros

(ongoing)


Nos últimos dois anos, tenho desenvolvido uma prática regular de encontrar pessoas, onde inicio encontros que têm funções indefinidas e impercetíveis. Esta prática, e a multiplicação de objetos que proliferam dela, operam numa micro-escala de visibilidade, temporalidade e expectativa. É uma investigação que se alimenta da resistência ao imperativo de atuar, de acelerar ou de tornar-se um produto. Esta prática consiste em criar contextos/circunstâncias/situações para a ressonância, o vazio, a impercetibilidade. Os micro-encontros são situações a meio caminho entre a performatividade e o estar juntos. Convites para a estranheza de não saber e de ter de posicionar-se a partir de dentro.


Esta prática gerou, até agora, dois trabalhos diferentes que são parte do seu arquivo vivo: a instalação de som A sombra impressa no chão fixou as tuas perguntas e o workshop Gestos de Encontrar, ambos apresentados na DAS-Graduate School, em Junho de 2018.


Apoio e acolhimento: DAS-Graduate School (Amsterdão), NAVE (Santiago de Chile), K.A.K. -Koekelbergse Alliantie van Knutselaars (Bruxelas).


© Catarina Vieira

EN | PT